domingo, 27 de dezembro de 2009

Solidão em dupla.

E eu dizia:

- Que solidão!

E ela:

- Sorte sua que você ainda tem a mim. E eu que estou sozinha!

Nesse dia ela me deixou pra baixo.
Vaca.

sábado, 26 de dezembro de 2009

Deyse e seus casacos

Garota eu te digo
que teu caso não tem solução
você passa frio no inverno
e calor no verão

Sete casacos na sua mala
fechou a porta e foi-se embora
Para que tantos casacos?
Onde já se viu?

Se você tem um coração quente
e não um coração frio
tu já aquece quem te rodeia
você tem calor humano
um sorriso acalanta
é alegria pra um ano!

Melo-drama

Mais um poema que te escrevo
num guardanapo velho
esse fala do seu olhar, da sua boca
do seu mistério
Quero desdobrá-lo e descobrir seu conteúdo
e um guardanapo velho
será a única testemunha de tudo.

À cobrar

Liguei pro teu coração
deu ocupado
de novo,então.

Recomendo.

Recomendações?

eu não quero!
Quero um pouco mais
de vinho tinto

te falar palavras quentes
no seu ouvido

eu arrepio teus sentidos
e me sinto bem.

3x3

Esse poema
não nasceu
para ser lido

nasceu para
não ser ouvido
muito menos sentido

nasceu assim,
para ser um
3x3 sem sentido.

Cá...

Cá estou
Cá, calado
cá cabisbaixo
cá, catalogando
com quantas ca...

cofonias
cá, eu consiga
conviver.

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Será que somente eu me cansei dos "Obrigado! Igualmente!"
ou da obrigatoriedade do presente
de ter perdido o porque do comemmorado
será que eu tô indo pra algum lado errado!?
Crianças nascem e são condicionadas a ganhar
se pergunto sobre o que aconteceu em tal data
é provável até gaguejar!

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Gozo

Craca
caraquenta
da cabeça
do caralho

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Não acredito no horóscopo
aquelas palavras que não
me tocam fundo
Acredito mais no mendigo da esquina
que diz saber do fim do mundo.

Seca

Você é chuva que bate no rosto, com vento.

Tento
achar um abrigo, e não consigo.
Sigo
encharcada, com a cabeça abaixada.

E me afogo.
Nunca tive medo de água
mas dessa vez, confesso: peço pra que passe

logo

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Sem apreço

        Estou sem
                        r
                         u
                          m
                            o,
                                          sem prosa,
    nem verso.
                 Estou ao reverso,
                     e tudo acaba.
                        do
começo.

          Sem pressa


      nem apreço.

(Ruy Felipe)

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

O que eu faço com você?

não sei se faço
de você um poema
para ser lido com saudade
ou se traço
um esquema
para mudar de cidade...

domingo, 13 de dezembro de 2009

Padaria do João
Vende pão
croissant e coração.

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Sexo

"Sem aliança?
Que disparate!
É biscate."

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Esperânsia

Te espero e te quero.
A maldita herança:
distância.

Única


coca
 várias delas; na minha
cola

mas

o que posso fazer
se só tenho olhos
para aquela pepsi ?

afinal

quem vê coca
não vê coração


terça-feira, 24 de novembro de 2009

Madrugada

Madrugadas amigas minhas
Pelas quais a caneta corre
E o pensamento foge
Do corpo

Entra na tua janela
E fica a tua espera
Às vezes teu sono
Meu pensamento
Até vela.

Tantas ruas desertas
nessa cidade fantasma
o pensamento não se acalma
invade casas, a procura sabe-se lá do que
procurando o endereço de encontrar você
A caneta corre como se alcasasse
O pensamento
Que voa livre ao vento
É impulsionado pelo instinto

De deitar ao teu lado
Num domingo gelado
E ver filme legendado
Fazer um poema sem rima
Te fazer rir com piadas cretinas

E dizer que ao teu lado
Pra sempre meu pensamento estará
Pensamento, livre como você é
Tão livre que até parece pensamento.

DEScomposição

OIto
VÊzes na
SEmana
MEu desejo é
DÁr-lhe
UMa palavra:
OI!

Farsante

Sou uma farsa completa
Num dia sou poliglota
Noutros sou idiota.

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

tapa-sexo
marcador
fazer o que, se sou
sado-masô

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Que tudo de foda

-que tudo se foda,
disse ela,
    e se fodeu toda



(Paulo Leminski)

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Café

Não me venha com essa história
Que uma coisa é
E ponto
Ao longo do que vivi
A única certeza que tenho
 é o meu café

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Frívola e Tensa

Eu tento me escutar, mas não tem jeito.
O aparelho auditivo do meu coração descompassou,
me atrapalhou.
Fiquei numa, sem eira nem beira,
perdida numa sexta-feira,
e nessa besteira,
eu me apaixonei sem estar comigo.

Será que isso compensa?
Eu me sinto tão frívola
e tensa...

(by Ruy)

Se

não foi-se tão carnal
iria encantar-se.
me conhecesse

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Ego

Meu é ego
é tão grande
que não me arrego
até que concordem
comego!

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Dúvida?

Não me entendo
mas que chato,
sou ditongo ou sou hiato?



(:

terça-feira, 10 de novembro de 2009

15 minutos

Papo passageiro
    pelo qual espero
o dia inteiro.

domingo, 8 de novembro de 2009

Preto no branco
coração sem contrato
só assim voa alto.

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Eu não sou cult


Eu não sou cult.

Não acho Laranja Mecânica genial
Quase dormi durante Uma Odisséia
Só gosto de Chaplin por causa de Tempos Modernos
Adorei Peixe Grande e Rei Leão porque gostei e pronto,
e não porque são filmes de Tim Burton ou de Woody Allen.

Não sou intelectual
Achei Shakespeare muito complicado
Conheci Nietzsche quando ele chorou com Irvin Yalom
Achei Gonçalves de Magalhães muito depressivo
E todos esaús e jacós Brasil afora, ultrapassados,
por isso prefiro a popularidade de Veríssimo ou Jabor.
Também achei o Mundo de Sofia estranho
Por isso li quase todos os livros de Paulo Coelho
Para desespero de meus professores de filosofia.

Também não estendo de música
Não sei a diferença entre hardcore, power metal e indie
E a maioria das bandas que gosto tocam nas rádios.

Não sou cult, não sou intelectual
Mas pode ter certeza que não é por falta de conhecimento
Nem por falta de querer conhecer coisas diferentes.
Não sou cult porque não tenho medo
de parecer que faço parte da massa
Pois apesar de tudo, ainda sou dona de minhas escolhas mais importantes.
Se gosto, não vou fingir que odeio
Como tem muito cult que finge que não
Mas que no fundo
Ama o Grande Irmão.

Covardia?

Se ficou no banho-maria
é porque
não te queria.

sábado, 31 de outubro de 2009

        o amor, esse sufoco,
agora há pouco era muito,
        agora, apenas um sopro


         ah, troço de louco,
corações trocando rosas,
         e socos


Paulo Leminski

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Novos blogueiros!

Sim, agora somos uma equipe nesse blog e o mesmo terá algumas mudanças, não digo forçadas, digo poéticas.

Agora fazem parte da equipe, a Deyse, que já postou, o Marcos, que é o Mr. Bola de Cristal (?), e o Emilio, que até agora não se cadasdtrou né milho!!

O blog Homo Pensantis será somente de poesias, poemas, poetrix, frases, letras de músicas e tudo mais o que sair dessas cabecinhas pensantes.
Outros posts com outros assuntos e outras idéias podem ser encontrados nos blogs da Deyse e do Marcos!

Abraço!

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Dialética

E ele era um menino legal
E ele politicamente correto
E ele era tão perfeitinho...
Tédio.
E lá está você de novo
Apaixonada pelo maluco mau caráter.

domingo, 4 de outubro de 2009

Tenho tantas curiosidades sobre ti
Mas não quero saber agora
Quero descobrir aos pouquinhos
Pelos acasos da vida
Pelos destinos cruzados
Pelos sussuros no ouvido
Quero que mude-me
Quero ser mudado
Conversar horas sem ter um motivo
entrelançando beijos e risos
jogar conversa fora
pelo simples fato de conversar contigo
Queria ser poeta e eternizar esses momentos
aprendendo e desaprendendo
é realmente o que eu sempre te digo
Pego o violão, faço cara de vilão
mas esqueço a letra da música na tua frente,
desconfio que seja esse olhar.

quinta-feira, 9 de julho de 2009

Tirinhas!






De férias da faculdade, desempregado, indo dormir às cinco e acordando às treze, o que ando fazendo é curtir esse momento de ócio! E para isso nada melhor que gastar meu tempo lendo tirinhas! Já vi um monte delas e a que mais gostei foi do pintor e quadrinista carioca, André Dahmer, sua série de tirinhas chamada Malvados. André Dahmer tem um humor diferente, ácido, e faz tirinhas sobre o cotidiano das pessoas, tanto que anda com um caderno aonde vai para anotar suas idéias e a noite desenhá-las.
Cada tirinha é um tapa na cara e sem apelação. (né, dr pepper)

Aqui fica o site dos Malvados! Acesse, vale a pena!
www.malvados.com.br

Ah, se alguém quiser me dar uma caneca ou uma camiseta fique à vontade!
(:

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Sobre um vivente




Sobrevivo dos restos de amor e dos cacos de diálogos
que chegam até mim como bitucas de cigarro no chão
Sobrevivo das raspas de carinho e das migalhas de atenção
que poucas vezes me dão, quando dum lado entro em auto combustão
Sobrevivo com meio copo diário de um olhar animador qualquer
com uma colher de sopa de auto estima
Sobrevivo com uma pitada de fé
por vezes cega, outras, vulnerável até demais
Sobrevivo com um prato de alegria e uma porção grande de sorrisos
vivo dos restos de sentimentos que tantos jogam fora, pego-os ao chão
sou engraxate da saudade, triste, lustro seus sapatos pretos
Sobrevivo dos meus sonhos guardados em garrafas térmicas
mantendo-os quantes e tomando uma xícara diariamente
Sobrevivo dos resquícios de tesão, e dos entrelaçados fios de amizade
finos, porém, fortes e até duráveis
Sobrevivo quase sozinho, com a minha independência
aparente independência
que necessita a todo momento de um muro de calor humano
Sobrevivo, apenas sobre um vivente.


(:

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Ah tá, agora me conta a do papagaio!




Jovem belga processa tatuador por constelação no rosto!


A estudante belga Kimberley Vlaminck, 18 anos, está processando o tatuador Rouslan Toumaniantz, e pede indenização prévia de 10 mil euros (cerca de R$ 30 mil). De acordo com a jovem, que pagou o equivalente a R$ 150 pelos serviços do artista, houve um tremendo mal-entendido entre ela e o tatuador, que é de origem romena e não fala francês. Kimberley alega ter pedido três pequenas estrelas próximas ao seu olho esquerdo como tatuagem e que durante o trabalho de Rouslan, acabou adormecendo. Porém, quando acordou, tinha 56 estrelas tatuadas no rosto, que praticamente cobriram a lateral esquerda de sua face.
O tatuador Rouslan Toumaniantz, nega a versão da jovem. De acordo com ele, a moça pediu exatamente o que foi tatuado e em nenhum momento adormeceu.
“Ela olhou-se no espelho várias vezes durante o meu serviço. Saiu daqui feliz com o resultado. Os problemas começaram quando o pai dela ficou aborrecido e o namorado a deixou”, defende-se Rouslan.
Mesmo com uma cirurgia a laser para remover a tatuagem, Kimberley ficará com cicatrizes no rosto. O procedimento, no caso dela, poderá custar até 10 mil euros – a quantia pedida nessa primeira parte do processo. Além do custo cirúrgico, os advogados da jovem calculam um valor adicional para cobrir os danos morais.


Eu não tenho, mas pretendo fazer uma tatuagem. Várias pessoas com quem conversei e que foram tatuadas dizem que a dor é muito grande, principalmente em áreas mais sensíveis. Agora eu te pergunto?
Como uma pessoa faz uma tatuagem no rosto, uma dor insuportável, consegue dormir na cadeira do tatuador!!???
Realmente, antes de fazer uma arte dessa no corpo eu procuraria pelo menos alguém que falasse minha língua!


Poucos dias depois vem a explicação...

Kimberley admite que a história era falsa Ahh, não me diga!

Hoje, 23, ela confessou para membros de uma equipe de TV holandesa que, realmente, havia pedido para o tatuador Rouslan Toumaniantz todas as 56 estrelas desenhadas na lateral esquerda de sua face, “eu pedi 56 estrelas, e a princípio adorei”.
Só que ao voltar para casa, e mostrar para o seu pai a “novidade”, a moça mudou de ideia devido à reação nada amistosa do seo Vlaminck.
“Quando meu pai viu as tatuagens, ficou p*to-da-vida. Aí eu disse que tinha dormido no estúdio, e o tatuador se enganado com o desenho pedido”, confessa a moça.
Amparada pela revolta do pai, Kimberley continuou o seu teatro – chegando a consultar advogados sobre um possível processo por danos morais contra Toumaniantz, além dos custos com a cirurgia a laser para remoção das tattoos.


Com tanta história que a gente ouve aqui no Brasil (principalmente do poder público!) eu acho que essa "Ah pai, dormi enquanto fazia tatuagem!" iria colar perfeitamente!


(:

domingo, 21 de junho de 2009

A Fazenda!




Alguns dias atrás foi lançado na Rede Record o reality show "A Fazenda" apresentado por Britto Jr. O reality que é um verdadeiro Big Brother Rural, estreou com média de 14 a 21 pontos e parece estar agradando o bispo Edir Macedo!
Foram feitos alguns "teaser" antes da estréia para criar suspense sobre quem seriam os participantes do programa. Quando a lista de "famosos" foi divulgada, não houve tanta empolgação quanto se esperava. Os "famosos" são:

Dado Dolabella: Ator (?), cantor (?) e mais algumas profissões que eu nem fui procurar, só lembro dele por causa daquele: Tu traiu o movimento, traiu o movimento!!...Dá-lhe João Gordo!

Carlos Alberto Silva: Hã? - É o Mendigo! - Ah, o mendigo, mas tá careca e gordo, pensei que fosse algum mutante da novela da Record!

Jonathan Haagensen:Putz, ou eu tô muito desatualizado ou a Record tá apelando!

Fábio Arruda: Mais um que deve ter sido coadjuvante em uma novela medíocre da rede do bispo.

Miro Moreira: É o cara do "Fala que eu te escuto"?

Pedro Leonardo: É alguém que ligou pro "Fala que eu te escuto"?

Theo Becker: Ué, me falaram que eram famosos!!?!

Babi Xavier: Uma das poucas que são mais conhecidas, deve ser porque já posou na Playboy!

Mirella Santos: Pra alguém que é casada com o Latino, ficar confinada em uma fazenda e ordenhar vacas é fichinha! (Vergonha alheia nível 6)

Luciely di Camargo: Me disseram que é o nome de guerra de um cara que canta com um tal de Luciano! (Fontes informam que a mudança de sexo foi um sucesso)

Bárbara Koboldt: Google, Bing, Wikipedia, Desciclopedia...não achei nada dela!

Franciely Freduzeski: Morre João do Pulo. Essa notícia repercutiu mais do que a entrada (e já a saída) da moça na fazenda.

Danielle Souza: Quem? - Mulher Samambaia - Ah, Samambaia, Mendigo, o que o dinheiro não faz né Seu bispo? Rede Tv! A rede que mais cresce (e perde funcionários) do Brasil

Danni Carlos: Dizem que ela é (foi) roqueira, mas no "1001 discos para se ouvir antes de morrer" não tem uma linha sobre ela!


Não estou acompanhando diariamente o programa, mas pelos lances que vejo dá pra notar que é bem parado, sem sal, exceto pelas brigas, e pelo Britto Jr. querendo ser o Bial!
Prefiro o Profissão Repórter ou o CQC!

Gostei só da "Porteira de Voz" esse nome é um sarro mesmo!

(:

quarta-feira, 20 de maio de 2009



Quem me dera se Eros me revelasse
A fórmula secreta de suas flechas
Ou que Hefesto me confidenciasse
De onde vem o fogo da vida
Ou de onde surge tanta ira
Vinda do tridente de Posêidon
Quem me dera ficar embriagado
Com o vinho de Dionísio
Quem me dera conhecer a lista de Hades
Será em ordem alfabética?
Ou que Atena me auxiliasse na minha guerra diária
Quem me dera se Hermes viesse até mim
Mensageiro alado, protetor dos viajantes
Que vagam sem rumo, talvez ao Olimpo
Ah quem me dera fazer parte do clã divino
Onde traçados são os destinos
Ah quem me dera
Ser Zeus.


Esse texto politeísta foi a primeira coisa que escrevi, que passei para o papel.
Ah, eu não queria ser Zeus não! Deve ser chato, prefiro ser um mero mortal.
Não marquei data, mas acho que já fazem uns três anos.

sexta-feira, 8 de maio de 2009

Não pensei em título dessa vez!

Após algum tempo sem postar, eu retomo esse blog e agora (queira Deus!) que eu não pare mais de escrever.
São exatamente 2:47 hrs da madrugada, acabei agora um rascunho de um plano de mídia que o professor (Sabe-se lá o motivo?!) pediu para ser entregue amanhã!
Depois de muito escrever e reescrever, eu coloco uma música para relaxar e tomo a (vigésima quinta) primeira xícara de café do dia. Penso em tomar uma ducha antes de dormir e troco de música. Wilson Simonal canta Sá Marina. Por falar em Simonal é dele mesmo que eu vou falar.
Conheci Simonal há pouco tempo numa coluna de música em um jornal. Já tinha ouvido seu nome, mas nunca tinha escutado uma música sequer.
A reportagem mostrava um pouco de sua estória, seu jeito alegre e contagiante que envolvia a platéia a cada música. Pronto! Achei muito bom e resolvi procurar algo mais. Descobri um pouco de sua vida, seu começo pobre e difícil até chegar a assinar o maior contrato de publicidade realizado na época. Simonal, por ser talentoso e muito querido aqui no Brasil como lá fora, era alvo constante de críticos que não aceitavam sua fama. Fora aclamado por multidões que cantavam com ele, contagiados por sua alegria no palco. Suas letras tinham uma pitada dos acontecimentos de sua vida e os improvisos no palco não eram raros. Era um verdadeiro espetáculo!
Então para quem não conhece, ou já ouviu falar, deixo esse vídeo, que irá aguçar a vontade de cantar os "Lá-lá-lás" desse grande maestro carismático.

Quem quiser saber mais dele, incluindo os boatos que colocaram um fim a sua carreira e também fatos de sua vida esses dois links são bem legais:


www.marioprataonline.com.br/obra/cronicas/esquecemos_de_anistiar.htm


http://www.youtube.com/watch?v=qoBkkFTO-Xc

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Priiiimeiro post!

Parafraseando um velho dito popular...
" O primeiro post a gente nunca esquece!"

Taí uma verdade. Não se esquece pois não tem a mínima idéia do que será escrito nele...
A partir daí a primeira ação foi pensar sobre o que seria o blog, tinha uma vaga idéia mas nada ainda definido.
Listei então várias coisas que gosto e hobbies que tenho. ( A lista não ficou tão pequena quanto eu queria, rsrs...)
Nela lia-se itens como: Música, todo o mosaico formado em meus ouvidos. Fotografia, mesmo a minha amadora. Antiguidades, pois tudo um dia fica velho. Intervenções, criativas em suas várias formas e ações. Mochilar pelo mundo, admiro e ainda quero fazer isso. Publicidade, que me encanta a cada aula. Humor, desde o mais ingênuo até o mais negro. Sentar e conversar, o faço quando tenho um tempo. Pessoas contagiantes e interessantes, que ao contrário do que eu pensava não são poucas.
Enfim, toda pluralidade que adquiro diariamente e que aos poucos vai me formando.
Espero que o blog cresça e que eu possa crescer junto.
Você pode ajudar com dicas, dúvidas, críticas, dizendo o que deseja ler, concordando ou não, aqui é tudo livre...( Ou quase tudo rsrs!)

Pra começar bem, deixo um trecho de uma música sensacional de um cara chamado Agenor.




"Vida louca vida
Vida breve
Já que eu não posso te levar
Quero que você me leve"


Até breve! Beijo, me liga!